Matão inicia agendamento da 4ª dose para imunossuprimidos

Matão inicia agendamento da 4ª dose para imunossuprimidos




A Secretaria da Saúde de Matão inicia o novo cronograma da vacinação contra a Covid-19. A partir desta terça-feira (22), todas as Unidades de Saúde Básica (UBS’s) e do Estratégia Saúde da Família (ESF’s) iniciam o agendamento para aplicação da quarta dose, em pessoas imunossuprimidas . Nesta nova fase, de acordo com o Programa Nacional de Imunizações (PNI), deverão ser imunizadas todas as pessoas que tomaram a dose reforço, no mínimo, há 4 meses.

“Em Matão, a primeira dose desta vacina foi aplicada em 21 de Janeiro de 2021, e naquele dia, nossa população celebrava a data com grande expectativa. Após pouco mais de um ano, continuo a insistir que todas as fases devem ser desejadas como naquele tempo, pois a vacina continua sendo a principal forma de proteção das nossas vidas. Mesmo imunizados, ainda enfrentamos esta doença que ceifou a vida de milhares de brasileiros, entre eles, mais de 200 matonenses. Peço que não deixem de se vacinar, pois a gravidade de vírus ainda é de grandes proporções”, destacou o prefeito Cido Ferrari.

Pacientes imunossuprimidos são aqueles que têm o enfraquecimento do sistema imunológico e que fazem tratamento para doenças autoimunes. Se enquadram nestes perfis, indivíduos com as seguintes condições:

Imunodeficiência primária grave
Quimioterapia para câncer
Transplantados de órgão sólido ou de células tronco hematopoiéticas (TCTH) em uso de drogas imunossupressoras
Pessoas vivendo com HIV/Aids
Uso de corticóides em doses ≥20 mg/dia de prednisona, ou equivalente, por ≥14 dias.
Uso de drogas modificadoras da resposta imune Metotrexato; Leflunomida; Micofenolato de mofetila; Azatiprina; Ciclofosfamida; Ciclosporina; Tacrolimus; 6- mercaptopurina; Biológicos em geral (infliximabe, etanercept, humira, adalimumabe, tocilizumabe, Canakinumabe, golimumabe, certolizumabe, abatacepte, Secukinumabe, ustekinumabe); Inibidores da JAK (Tofacitinibe, baracitinibe e Upadacitinibe)
Auto inflamatórias, doenças intestinais inflamatórias
Pacientes em terapia renal substitutiva (hemodiálise)
Pacientes com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas

Segundo o secretário da Saúde, Ademir de Souza, o município segue a mesma logística como nas fases anteriores, sendo necessário o agendamento prévio na Unidade de Saúde referente a regão de cada morador. “Caso não tenha mudado de bairro, recomendamos que a população procure o mesmo local onde recebeu as vacinadas anteriores. Também ressaltamos que, independente do imunizante aplicado, este intervalo entre a dose reforço será respeitado, ou seja, este grupo deve ter recebido a 3ª dose como imunossuprimidos há quatro meses”, explicou.

Outra recomendação é que todas as pessoas, no momento da vacinação, apresentem o documento de identificação com foto e cartão de vacina.

Compartilhe
Notícias Relacionadas

NOTA OFICIAL

A Secretaria Municipal de Saúde de Matão informa que, nesta...

Acesso Rápido